FECHAR
Popup
 

Siga-nos nas redes sociais:

 
  • Sem. Ailton de Jesus

    Sem. Ailton de Jesus

    3º ano de Teologia

    Paróquia de origem : Paróquia Catedral São Thomaz de Cantuária - Camaçari
    Mensagem vocacional : Uma das motivações que me impeliram a abraçar com liberdade a vocação sacerdotal é a beleza e o maravilhamento do sacrifício de Cristo, que se traduz na vida do sacerdote que doa a sua vida, se submete livremente a vontade de Deus, deixando de lado seus projetos, planos, desejos e vontades, mortificando a si mesmo e abraçando a cruz. Dispensando os bens e prazeres passageiros para abraçar o que é eterno. Na medida que fui introduzido no seminário pude ver que, ao deixar tudo, tinha tudo que era Deus, d'Ele brota a satisfação que me faz forte na caminhada, pois o tenho sempre diante de meus olhos no centro de minha vida. A Ele me submeto e deixo-me formar. A minha vida já não me pertence a Deus entreguei, e sigo firme, porque o amo. Por isso posso exclamar como o salmista: "Teu amor Senhor, vale mais do que a vida, por isso meus lábios vos louvam".

  • Sem. Daniel de Jesus Nascimento

    Sem. Daniel de Jesus Nascimento

    1º ano de filosofia

    Paróquia de origem: Santuário Nossa Senhora das Candeias.
    Mensagem vocacional:
    O Senhor chamou-me a caminhar de forma mais íntima com Ele através da Renovação Carismática Católica, onde eu tive um encontro com a Palavra de Deus, um encontro com Cristo, de modo particular num congresso estadual, onde o tema pregado foi Apocalipse (3;20), “Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele e ele comigo”. O Senhor queria entrar em meu coração e depois daquele dia abri as portas para Ele.

  • Sem. Ikaro Matheus

    Sem. Ikaro Matheus

    3º ano de filosofia

    Paróquia Senhora Sant'Ana - Camaçari
    Desde que fui crismado, buscava os locais e momentos os quais poderia utilizar os dons que Deus me deu, como forma de serviço e de glorificação Dele, e achava curiosa a missão do padre dentro de sua paróquia. Quanto mais me aprofundava na vida da igreja, mais uma inquietação surgia dentro de mim. Foi necessário um bom momento de discernimento, observando as formas com que Deus me conduzia durante estes momentos de dúvidas, os quais eu pedia sempre por respostas. Através dos encontros vocacionais, vi no sacerdócio a grande oportunidade de oferecer a minha vida a Deus como forma de serviço a Ele é às suas ovelhas, enquanto que, constantemente, busco a superação de meus limites e visando em cada desafio e dificuldade a graça de evoluir cada vez mais.

  • Sem. José Nilson Palmeira

    Sem. José Nilson Palmeira

    4º ano de Teologia

    Paróquia Senhora Sant'Ana - Camaçari
    Fui chamado pelo Senhor Jesus, no ordinário da vida. No serviço comum do dia-a-dia, rezando com as idosas, inovando com os jovens, ensinando as crianças. Minha vocação é fruto da vida paroquial, com suas alegrias e tristezas, suas novidades e suas necessárias "mesmices". Sou obra de um Cristo simples, da vida de povo simples.

  • Sem. Juarez Machado

    Sem. Juarez Machado

    4º ano de Teologia

    Paróquia São Sebastião do Passé
    O que me motivou e fez despertar a minha vocação, foi o meu pároco, através do seu testemunho vocacional. Nesse sentido, quando eu ia para as celebrações, eu me sentia encantado, com o meu pároco. Com o passar dos anos eu senti o desejo de ser também igual a ele, foi assim que criei coragem e falei com os meus pais. Eles também foram meus suportes, me apoiando, rezando e torcendo por mim. Tinha muito medo e percebia que eu não estava tão maduro para tomar uma decisão com tamanha seriedade. Mas movido pelas palavras de Jesus dirigidas a Pedro, "Vem e segue-me"(Mt 19, 21), decidi fazer uma nova experiência em minha vida. Portanto, me sentia confiante e convicto de que Jesus me chamava para um estilo de vida no qual eu precisava me entregar totalmente aos outros, com o objetivo de ser "Pescador de homens", e levar todos a conhecê-lo.

  • Sem. Lucas Palma Conceição

    Sem. Lucas Palma Conceição

    1º ano de filosofia

    Paróquia de origem: Santa Marcelina
    Mensagem vocacional : Eu me chamo, Lucas Palma Conceição, tenho 20 anos de idade. Minha vocação surgiu na minha paróquia de origem chamada Santa Marcelina, localizada em São Sebastião do Passé - Bahia, aonde no ano de 2014 ingressei no grupo de coroinhas e lá aprendi a amar Jesus através do sacerdote, e a cuidar da sua Casa com mais amor e zelo. Primeiro incentivo desta minha vida vocacional veio do primeiro bispo da diocese de Camaçari, dom João Carlos Petrini. Que em uma missa festiva em honra a padroeira Santa Marcelina me convocou a fazer uma experiência vocacional na atual cúria diocesana. Tenho hoje como lema vocacional: "O zelo por tua casa me consome"(Jo 2,17) e acredito que este zelo permanecerá em chama acesa por toda minha vida.

  • Sem. Luiz Carlos Araújo Alves

    Sem. Luiz Carlos Araújo Alves

    1º ano de filosofia

    Paróquia de origem : Paróquia Senhora Sant'Ana
    A correspondência Aquele que nos criou e amou por primeiro, isto é, amá-Lo. Isso é responder ao chamado de Deus.
    Particularmente, senti o chamado para o sacerdócio no cotidiano da paróquia. Era coroinha desde os 10 anos de idade, portanto a convivência com padres era frequente. Acompanhava a vida do padre diocesano – principalmente nos domingos – de perto. Assim sendo, isso gerou um encanto muito grande em mim pelo sacerdócio, e desse encanto brotou a dúvida sobre minha vocação, que resultou no chamado a fazer a experiência de discernimento vocacional.

  • Sem. Rodrigo dos Santos

    Sem. Rodrigo dos Santos

    2º Ano de Filosofia

    Paróquia Nossa Senhora da Luz - Simões Filho
    Deus, com sua infinita misericórdia, tem várias formas de chamar e de convencer os corações a seguirem uma vocação. O senhor plantou uma pequena semente do chamado ao sacerdócio em meu coração, e eu, como pobre servo, busco responder com toda alegria a cada dia a esse chamado, que incomoda e arde o coração. O que me impulsiona a seguir essa caminhada, é a certeza de que Deus quer que, enquanto peregrino neste mundo, me sinta feliz e realizado no seu projeto de amor. Assim, rezo como a virgem Maria: “A minha alma engrandece o Senhor e meu espírito exulta em Deus, meu Salvador” (Lc 1,46-47).

  • Sem. Tailan Vasconcelos

    Sem. Tailan Vasconcelos

    3º ano de Filosofia

    Paróquia Cristo Ressuscitado - Camaçari
    Durante toda a minha vida, sempre fui movido pela busca do significado. Mesmo muito jovem, ia, cada vez mais, percebendo a insuficiência das coisas, nada bastava para o meu coração. Foi então que o Senhor, em seu desígnio de amor, tomou a iniciativa e me interpelou pelo caminho, levando-me a encontrar n'Ele as respostas que eu procurava. A partir deste encontro, cresceu em mim a percepção de que Ele é tudo para o homem e de que não posso mais viver longe de sua presença. O chamado ao sacerdócio veio como uma forma de corresponder aos desejos do meu coração e do coração de Deus que me quer junto d'Ele.

  • Sem. Weliton Rocha Alves

    Sem. Weliton Rocha Alves

    Etapa: Discipulado

    Paróquia Santuário Nossa Senhora Das Candeias
    Como sinal vocacional, devemos estar sempre prontos para escutar a voz de Deus. Não se limitando naquilo que é sobrenatural, mas sempre estar atento ao cotidiano. Deus nos chama a parti daquilo que somos, isto é, humano. É um chamado que nos impulsiona a sermos missionários do evangelho e mensageiros do amor no meio de seu povo, pois Deus está sempre a nos dizer: “Amo-te com amor eterno, te atraio com misericórdia”. (Jr 31, 4)

  • Sem.João Vitor da Silva Satero

    Sem.João Vitor da Silva Satero

    1º ano de filosofia

    Paróquia de Origem : Paróquia Sant'Ana
    Mensagem vocacional :
    Nas experiências eclesiásticas sempre me chamou atenção a vocação sacerdotal. Após conhecimento de algumas realidades da Igreja através do estudo, fiquei inquieto para compreender melhor a vida sacerdotal e sua profundidade na vida humana. Fiz o vocacional, entrei e agora estou no primeiro ano de discipulado buscando discernir aquilo que Deus quer.

  • Sem.Pedro Rian Sampaio Pinho

    Sem.Pedro Rian Sampaio Pinho

    2º ano de filosofia

    Paróquia Senhora Sant'Ana
    Mensagem vocacional : "A experiência do Chamado de Deus me fez olhar para um novo horizonte, onde a Cruz é o ponto de chegada, onde a vida passa a ser uma contínua oração, um desdobramento irrepetível da vida do Senhor. A minha resposta a esse chamado é a expressão do desejo comum a todo homem: o desejo de plenitude e felicidade, que só podemos alcançar nos entregando às mãos benditas de Jesus Nosso Senhor."

  • Sem.Yuri Gabriel Malaquias Ferreira

    Sem.Yuri Gabriel Malaquias Ferreira

    2º ano de filosofia

    Paróquia de origem : Paróquia São Roque - Terra Nova
    “Vidit ergo Iesus publicanum et quia miserando atque eligendo vidit, ait illi Sequere me”
    O meu coração sempre desejou o transcendente e por isso sempre busquei alcançá-lo.
    Sentir o chamado do Senhor na vida cotidiana da paróquia, vendo o testemunho , amor e dedicação na vida de tantos padres.
    Em Cristo encontrei aquilo que o meu coração tanto buscava e dando uma resposta de amor peço a Ele que me faça empregar a minha vida em uma causa que possa valer a pena.

  • Fale conosco

    Newsletter
    CADASTRE SEU E-MAIL e receba notícias atualizadas da Diocese de Camaçari

    Copyright © Diocese de Camaçari. Todos os direitos reservados