Pentecostes a promessa do Espírito Santo que se cumpre

No Pentecostes celebramos a vinda do Espírito Santo sobre a Virgem Maria e os apóstolos reunidos no cenáculo. 50 dias após a sua Ressurreição a promessa do Senhor se cumpriu e o Paráclito, Defensor, Consolador foi enviado. O dia de Pentecostes marca a primeira manifestação pública da Igreja. Os Apóstolos cheios da força que receberam do Espírito Santo vencem todos os temores que lhes prendiam e agora se lançam sem medo no anúncio da Boa Nova do Evangelho.

A experiência que os Apóstolos experimentaram naquele dia não ficou restrita aquele momento. Em todos os tempos da história vemos a ação do Espírito Santo que guia e impulsiona a Igreja em sua missão. Tudo aquilo que nós cristãos realizamos de bom, o fazemos movidos por este Defensor que o Pai nos enviou.

Interessante é observar que o Espírito Santo se derramou enquanto os apóstolos estavam reunidos em oração, junto com a Virgem Maria. Para esta intimidade que somos chamados a ter com o Espírito Santo é de suma importância a nossa vida de oração. Por ela aprendemos a discernir e a perceber as moções que este Espírito suscita em nossas vida.

 

Dia a dia devemos pedir que sejam reavivados em nós os dons e os carismas do Espírito Santo que nos foram concedidos para melhor amarmos ao Senhor e servirmos a sua Igreja. Se queremos viver como pessoas renovadas, não há outro caminho senão deixar-nos ser guiados pelo seu Divino Espírito.

 

Que o Divino Espírito Santo venha sobre nós mais uma vez para renovar a nossa vida e que assim sejamos colaboradores na renovação da face da terra, no amor de Jesus.

Pe Luiz Felipe Montecinos

Publicado : 07/06/2019