Livro sobre história do Seminário Central da Bahia foi lançado em Salvador

 

Nesta quinta-feia, 10 de agosto, foi lançado no Museu de Arte Sacra da Bahia o livro “Seminário da Bahia: documentos de sua história”.  A publicação reflete sobre o processo histórico de formação inicial dos padres que passaram pelo Seminário Central São João Maria Vianey e foi organizado pelo professor e historiador Cândido da Costa e Silva.

O livro tem ainda a participação do padre Danilo Pinto dos Santos, padre Rosalvo dos Humildes Júnior, padre Paulo Roberto Soares e do Diácono Luiz Felipe Montecinos, da Diocese de Camaçari e apresenta o a fase histórica do Seminário e a formação dos seminaristas em quatro fases : O Proto-Seminário (1815-1827) o Seminário Oitocentista da Bahia (1828 – 1890), o Seminário Pré-Concílio Vaticano II (1891 – 1962) e o Seminário no Pós-Concílio Vaticano II (1962 -2015).

O livro será vendido na sede da Edufba (Campus de Ondina) e no Seminário Central São João Maria Vianney (avenida Cardeal da Silva, 205, Federação).

FORMAÇÃO

Atualmente sete seminaristas da Diocese de Camaçari residem no Seminário Central onde passam pela etapa de formação humana, filosófica e teológica.  Após a criação da Diocese foram ordenados 09 padres e o Diácono Luiz Felipe, co-autor do livro, será ordenado ainda este ano, ambos formados pelo Seminário.

 

Publicado : 11/08/2017